A Prefeitura Municipal de Gilbués, juntamente com a Secretaria Municipal de Meio Ambiente, realizou na manhã desta quarta-feira (11) no Centro Educacional Jonas Pereira, uma Audiência Pública onde foram tratados assuntos relacionados ao Parque Ambiental Brejo dos Buritis.

O prefeito Léo Matos esteve presente falando sobre o projeto, seus benefícios para a população e tirando as dúvidas dos cidadãos gilbueenses quanto ao tema abordado juntamente com o secretário de Meio Ambiente Elon.

Elon falou sobre o ICMS Ecológico um recurso extra para investimentos no município, não aprovado na Câmara de Vereadores, onde o maior prejudicado será a população.

Em uma de suas falas o gestor destacou que no projeto será construído uma pista de cooper e ciclismo para oferecer melhor qualidade de vida à todos, frisou que o brejo é uma riqueza natural e muito importante para a cidade, e funciona como o “pulmão de Gilbués”, tem que ser tratado e preservado.

O ICMS Ecológico:

É um mecanismo tributário que possibilita aos municípios acesso a parcelas maiores que àquelas que já têm direito, dos recursos financeiros arrecadados pelos Estados através do Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Serviços, o ICMS, em razão do atendimento de determinados critérios ambientais. Gilbués vem adequando-se ao modelo de gestão ambiental implantando medidas que favoreçam a sustentabilidade ecológica e a preservação do meio ambiente.

Fonte: ascom